terça-feira, 29 de novembro de 2016

Escutas de Costa sobre vistos destruídas. São “estranhas a processo”

O primeiro-ministro foi apanhado "acidentalmente" em escutas sobre processo de corrupção que envolve a atribuição de vistos no Centro Comum de Vistos de Cabo Verde.


De acordo com uma nota da Procuradoria Geral da República (PGR), no âmbito de deligências num processo no qual há suspeitas de crimes de corrupção passiva e de auxílio à imigração ilegal, foram intercetadas comunicações do primeiro-ministro. Tratam-se de conversas em que António Costa intervém "acidentalmente".
Por essa razão, o presidente do Supremo Tribunal de Justiça optou pela "destruição imediata dos elementos relativos a essas mesmas interceções telefónicas", por considerá-las "manifestamente estranhas ao processo e sem qualquer relevância para a investigação", lê-se na nota da PGR.
Recorde-se que o Ministério Público investiga factos relacionados com a atribuição de vistos no Centro Comum de Vistos de Cabo Verde, que funciona nas instalações da Embaixada de Portugal em Cabo Verde.
Não há arguidos no processo em questão, não estando também o embaixador de Portugal em Cabo Verde indiciado de qualquer crime.
Fonte: PGR
Foto: © DR

Campanha de Natal “Portugal Sou Eu” lança micro-site e desafia portugueses a “darem a cara pelo nosso País”

Portugal Sou Eu
No âmbito da Campanha de Natal, lançada no dia 15 de novembro, o “Portugal Sou Eu” criou um micro-site onde todos os portugueses podem “dar a cara pelo nosso País”, cedendo uma fotografia para o mural da página.
Sendo o Natal uma época em que o espírito de entreajuda está presente e o público mais predisposto para participar em ações de consumo, o “Portugal Sou Eu” desafia a população a colocar a sua fotografia no mural, participando num movimento que se pretende que seja de todos e para todos os portugueses.
Desde o início desta semana que o micro-site está disponível para que todos os portugueses façam o seu registo no Portal do “Portugal Sou Eu” e submetam a(s) fotografia(s) carregadas em upload (sujeitas a validação) em www.portugalsoueu.pt
Ao “dar a cara pelo nosso País”, os visitantes podem personalizar, com as fotografias cedidas para o mural, e imprimir o seu próprio papel de embrulho sempre que precisarem.
De recordar que a Campanha de Natal, que tem como objetivo convocar todos os portugueses a consumirem produtos nacionais, nomeadamente, os que estão identificados com o Selo “Portugal Sou Eu”, escolheu o mote “No Natal, surpreendo com o que é nosso. Acreditar em Portugal começa comigo” e está presente em televisão, imprensa, rádio, bus banners, caixas multibanco e meios digitais.
Com o lançamento do micro-site, o “Portugal Sou Eu” pretende envolver o maior número de portugueses com o objetivo de continuar a promover a mudança de comportamentos e a alteração de hábitos, sensibilizando para a importância de consumir produtos e serviços com o Selo “Portugal Sou Eu”.

ÚLTIMOS DIAS PARA VISITAR A EXPOSIÇÃO “UM OLHAR MENOS OBJETIVO SOBRE A PARALISIA CEREBRAL”

Exposição protagonizada por utentes da APCC termina a 3 de Dezembro
A exposição “Um Olhar Menos Objetivo Sobre a Paralisia Cerebral”, patente na Galeria Ferrer Correia da Casa Municipal da Cultura de Coimbra, termina já no próximo sábado, dia 3 de dezembro.
Trata-se de um conjunto de fotografias, da autoria da voluntária da Associação de Paralisia Cerebral de Coimbra (APCC) Marina Cruz, que retrata o trabalho que ela e outros estudantes da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra realizaram em 2015 no Lar Integrado Dr. José Mendes Barros.
No total, são 24 imagens que têm como protagonistas os utentes daquela valência da Associação, e que, por isso ‘falam’ de todas as coisas que estes voluntários (além da autora das fotos, ainda a Catarina Macedo, a Catarina Fernandes, a Helena Melanda e o Helder Ranhada) não conseguiram explicar ao viverem esta experiência.
“Um Olhar Menos Objetivo Sobre a Paralisia Cerebral” pode ser visitada nos seguintes horários: dias úteis das 09H00 às 19H30, sábados das 11H00 às 13H00 e das 14H00 às 19H00.
Mais informação sobre este projeto está disponível no site da APCC, em www.apc-coimbra.org.pt.

Divulgação Semanal CAE Portalegre





10 anos de CAE Portalegre

Divulgação Semanal
Programação do Centro de Artes do Espetáculo de Portalegre

Mais info em: http://caeportalegre.blogspot.pt/
Facebook : https://www.facebook.com/CAEdePortalegre
3 DEZ. SÁB. 21.30H
156º Aniversário da Sociedade Musical Euterpe – “Grandes Sucessos”
Música Ligeira | GA | 7€, 5€ -12 anos | M/4 anos
10 anos de CAE Portalegre


No ano em que se comemoram os 10 anos do Centro de Artes do Espetáculo, uma casa que tão bem têm recebido estes concertos, a Euterpe, no seu 156.º aniversário, faz regressar convidados e recorda os seus “Grandes Sucessos”, num espetáculo único e emotivo.
Da música portuguesa às bandas sonoras, damos a oportunidade de conhecer ou reviver os melhores momentos da mais antiga associação de Portalegre.
3 DEZ. SÁB. 22.30H
Sterling Roswell Band (London,UK)
Rock / Psicadélico | CC | 4€ | M/12 anos
10 anos de CAE Portalegre


Multi-instrumentista, produtor, poeta e artista; Sterling Roswell é um excêntrico provocador só possível num local como a Grã-Bretanha.
Roswell possuí um currículo como poucos. Fez parte dos Spacemen 3 ( baterista em “Perfect Prescription”, “Performance” e “Dreamweapon), fundou os  The Darkside (com quem gravou 3 discos) e foi colaborador musical de Sky Saxon dos The Seeds (seminal banda de garage rock dos 60s).
Colaborou também em música para filmes com Massimo De Felice, aquando de uma temporada em Roma e teve uma passagem pelos Panther Burns de Tav Falco.
Com uma forte raíz na psicodelia dos anos 60 e acompanhado de um artista visual que manipulará uma máquina de luzes hipnogênicas denominado The Lucia fará a sua primeira tour ibérica (ele que já tocou em Portugal mas a solo) durante este final de 2016. Estará em promoção do seu novo disco com saída prevista pela Blang Records e do qual já foi extraído este single “Atom Brain Monster” (nos links).
Durante esta tour será projectado o clássico de série z com o mesmo nome do single.
Sterling Roswell vai-se fazer acompanhar de João Pimenta (dos 10 000 Russos) e de Grahame Painting (Jerico Orchestra e ex sub editor chefe do The Times).
2 DEZ. SEX. 23H
Bom Marido
Rock Alternativo / Psicadélico | CC | 4€ | M/12 anos
10 anos de CAE Portalegre


Miguel, Tomás e João (e depois Luísa Lisboa, baterista de jazz), começaram a dar concertos em 2015, investindo num rock alternativo/psicadélico com laivos de música eletrónica e resquícios de tudo o que tinham feito até então. No primeiro semestre de 2016 editaram o seu segundo EP, “Sigo o caminho mais calmo".
Começaram a dar concertos em 2015, com uma passagem no Reverence Valada e na Festa do Avante. Preparam-se para editar o segundo EP, com o título “Sigo o Caminho Mais Calmo", com edição prevista para o primeiro semestre de 2016.
CINEMA CAEP "ENTERRADO NA LOUCURA – PUNK EM PORTUGAL 78-88 - A 2ª VAGA", dia 6 de Dezembro, pelas 21h, seguido de Patrulha do Purgatório. Entradas 4€
Realizado por Hugo Conim e Miguel Newton, "Enterrado na Loucura – Punk em Portugal 78-88 - A 2ª Vaga", continua a historia que começou a ser contada em “A Um passo da Loucura - A 1ª Vaga", documentário de 2015. Este novo capítulo começa em 1982, ano em que surge uma nova vaga de bandas, bem mais empenhadas e aguerridas, como Crise Total, Grito Final, Kú de Judas, Mata-Ratos ou Peste & Sida, e, termina em 1988. Com estes dois documentários pretende-se apresentar um retrato realista e fiel do que foi a primeira década do fenómeno punk em Portugal. É uma história que não é apenas contada por músicos de bandas, recolhendo testemunho de adeptos, divulgadores e até de familiares preocupados com o impacto sociocultural do fenómeno. Um enredo empolgante que além da música envolve outras dimensões: estética, politica, educativa, legal, ética, etc. Entre os que aceitaram prestar o seu testemunho encontram-se nomes como Adolfo Luxuria Canibal (Mão Morta), Guilherme Lucas (Cães Vadios/'Grémio'), João Pedro Almendra (Kú-de-Judas/Peste & Sida), Jorge Bruto (Emilio e a Tribo do Rum), Kalú (Xutos & Pontapés), Manolo Almeida (Crise Total), Oscar Pinho (Cagalhões/Cães Vadios), Samuel Palitos (Censurados), Victor Torpedo (The Parkinsons) e Vitor Rua (Telectu).
Directed by Hugo Conim and Miguel Newton, "Enterrado na Loucura – Punk em Portugal 78-88 - A 2ª Vaga" (“Buried in Insanity – Punk in Portugal 78-88 – The second wave”), continues a history that started to be told in “A Um passo da Loucura - A 1ª Vaga" (“One Step from Insanity – The first wave”) a documentary first screened in 2015. The two documentaries are a faithful and realistic portrait of the first decade of Punk in Portugal. This second documentary starts in 1982 with the birth of a second wave – more combative and involved with the punk scene - of Portuguese punk bands like ‘Crise Total’, ‘Grito Final’, ‘Kú-de-Judas’, Mata-Ratos or Peste & Sida and ends around 1988. The history is told not only by the musicians but also by anonymous punk’s or even concerned parents. It’s an interesting narration that evolves around music but also around aesthetical, political, educational, legal and ethical dimensions of Punk. Among the interviewed we can find names like Adolfo Luxuria Canibal (Mão Morta), Guilherme Lucas (Cães Vadios/'Grémio'), João Pedro Almendra (Kú-de-Judas/Peste & Sida), Jorge Bruto (Emilio e a Tribo do Rum), Kalú (Xutos & Pontapés), Manolo Almeida (Crise Total), Oscar Pinho (Cagalhões/Cães Vadios), Samuel Palitos (Censurados), Victor Torpedo (The Parkinsons) and Vitor Rua (Telectu).
Morada: Praça da Republica nº 39, 7300-109 Portalegre
Blog: http://caeportalegre.blogspot.pt/
Facebook: https://www.facebook.com/CAEdePortalegre

SEGURANÇA SOCIAL: IPSS ganham dois anos para devolver apoios

As instituições de solidariedade social passam a ter quatro anos adicionais para reembolsar os fundos usados em processos de reestruturação, que podem ascender a meio milhão de euros.
IPSS ganham dois anos para devolver apoios
Miguel Baltazar/Negócios

As Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) vão ter mais dois anos para reembolsar os montantes financeiros, que podem ascender a 500 mil euros, recebidos do chamado Fundo de Reestruturação do Sector Solidário (FRSS), criado no final de 2013 para apoiar a reestruturação e a sustentabilidade económica e financeira destas entidades.
 
A lei prevê que a devolução dos apoios é feita no prazo máximo de quatro anos, sujeito a uma taxa de juro de 0% a contar da data de assinatura do acordo. Só que, em vez de dois anos, a partir de agora o prazo pode ser alargado por mais quatro anos, "os primeiros dois anos sujeitos a uma taxa de juro de 0%, mediante requerimento devidamente justificado apresentado pela entidade beneficiária ao conselho de gestão".
 
Esta alteração às regras entra em vigor já esta sexta-feira, 2 de Dezembro, e resulta de uma portaria assinada pela secretária de Estado da Segurança Social, Cláudia Joaquim (na foto com o ministro Vieira da Silva), publicada esta segunda-feira, 28 de Novembro, em Diário da República. A Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade, a União das Misericórdias Portuguesas e a União das Mutualidades Portuguesas foram consultadas pelo Executivo liderado por António Costa.
 
"Considerando os actuais constrangimentos identificados por parte das instituições, uma vez que o prazo máximo estatuído pode, em situações devidamente fundamentadas, ser exíguo face às respectivas disponibilidades financeiras, importa permitir o alargamento, por um período superior, do prazo para reembolso às entidades beneficiárias que não se encontrem em incumprimento e que tenham a situação regularizada junto da Administração Fiscal e da Segurança Social", justifica o diploma.
 
Austeridade e castigo a incumpridores
 
Segundo as regras do FRSS, o apoio financeiro tem um limite máximo de 500 mil euros e não pode exceder 45% do valor global das necessidades de financiamento de médio e longo prazo dos beneficiários. O incumprimento de qualquer prestação de reembolso resulta na aplicação de uma taxa de mora correspondente a 4% ao ano sobre o montante em dívida, até a regularização do pagamento.
 
Já em caso de incumprimento "reiterado" da execução do plano de reestruturação, que as IPSS têm de apresentar quando fazem este pedido, o apoio financeiro é interrompido de imediato, com o "consequente vencimento dos prazos de reembolso definidos quanto aos valores já atribuídos".
 
Nestes planos de reestruturação devem ser indicadas "medidas específicas e quantificadas" para o reequilíbrio da situação financeira das instituições, através da redução da despesa recente, da existência de regulamentos de controlo interno, da optimização da receita e da criação de mecanismos e metodologias de apoio à gestão institucional.
 
Outros elementos obrigatórios nestes planos são a descrição detalhada das medidas de saneamento financeiro e de redução de custos, a calendarização das alterações estruturais previstas ou a definição de medidas complementares de controlo da execução orçamental e operacional para permitir o acompanhamento e a monitorização do processo de reestruturação.

Fonte:jornaldenegocios


António Larguesa 28 de Novembro de 2016 às 14:33

Olaria negra de Bisalhães é Património Imaterial da Unesco

O processo de fabrico do barro preto de Bisalhães, em Vila Real, foi hoje inscrito na lista do Património Cultural Imaterial que necessita de salvaguarda urgente da Unesco, anunciou fonte do município.
© DR
A decisão foi tomada hoje, durante a 11.ª reunião do Comité Intergovernamental para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura, que está a decorrer em Adis Abeba, capital da Etiópia.

A Câmara de Vila Real avançou com a candidatura do processo de fabrico do barro negro de Bisalhães à lista do património cultural imaterial que necessita de salvaguarda urgente, precisamente por esta ser uma atividade em vias de extinção.

O município disse que se tratou de um "processo complexo que demorou mais de um ano a ser completado".
A fonte referiu que "este reconhecimento internacional possibilitará partilhar o conhecimento ancestral dos oleiros de Bisalhães com o mundo".
A inscrição na lista da Unesco vai ainda "motivar a implementação de um amplo plano de salvaguarda que o município de Vila Real idealizou, que vai desde a formação de oleiros, passando pela certificação do processo e até ao incentivo do surgimento de novas utilizações e designs para este material único".
O principal problema desta atividade é o envelhecimento dos oleiros. Atualmente, são cinco os que fazem desta arte a sua atividade principal e a maioria tem mais de 75 anos.
Este é considerado um ofício duro, exigente, com recurso a processos que remontam, pelo menos, ao século XVI.
O processo de fabrico inclui desde o tratamento inicial que se dá ao barro até à cozedura.
As peças que nascem pelas mãos destes artesãos são depois cozidas em velhinhos fornos abertos na terra, onde são queimadas giestas, caruma, carquejas e abafadas depois com terra escura, a mesma que lhe vai dar a cor negra.
"O processo é bastante antigo, com características muito peculiares e próprias desta aldeia de Bisalhães e que tem vindo a ser mantido com muito sacrifício por parte dos oleiros atuais", salientou o coordenador técnico da candidatura, João Ribeiro da Silva.
O responsável referiu que esta candidatura pretendeu dar "visibilidade à olaria e preservar a forma de fazer".

Em março de 2015, o processo de confeção do barro negro de Bisalhães foi reconhecido como Património Cultural Nacional.
Fonte: noticiasaominuto

3 de dezembro Dia Internacional das Pessoas com Deficiência

Resultado de imagem para 3 de dezembro Dia Internacional das Pessoas com Deficiência
No âmbito das comemorações do Dia Internacional das Pessoas com Deficiência, que se celebra no próximo dia 3 de Dezembro, a CP - Comboios de Portugal vai oferecer as viagens em todos os comboios, aos clientes portadores de deficiência, bem como ao respetivo acompanhante.
Para beneficiar da gratuitidade, os clientes devem apresentar, numa bilheteira da CP, o atestado de incapacidade multiuso, o cartão de deficiente, ou o cartão de deficiente das Forças Armadas, bem como efetuar a sua reserva de lugar, caso pretendam viajar nos comboios de longo curso.
Resultado de imagem para 3 de dezembro Dia Internacional das Pessoas com Deficiência
Associando-se pelo oitavo ano consecutivo à comemoração da data, com esta iniciativa, a CP - Comboios de Portugal, prossegue a sua política de apoio à mobilidade dos cidadãos com necessidades especiais, traduzida, entre outros aspetos, na disponibilização do Serviço Integrado de Mobilidade.
O serviço SIM, destinado a prestar o apoio no planeamento e assistência nas viagens de comboio, pode ser solicitado com o mínimo de 24 horas de antecedência, através de uma linha telefónica dedicada, 707 210 746.
Informações mais detalhadas em cp.pt ou o Contact Center 707 210 220.
_____________________________


Santa Casa da Misericórdia de Portalegre prepara-se para celebrar o Natal

Música, ponto de venda de Natal e festa com a família são algumas das atividades da instituição para assinalar esta época festiva
Resultado de imagem para Santa Casa da Misericórdia de Portalegre prepara-se para celebrar o Natal
A Santa Casa da Misericórdia de Portalegre prepara-se para celebrar o Natal com diversas atividades para utentes e famílias.
Ao longo do mês de Dezembro haverá música ambiente alusiva ao Natal nas instalações da Santa Casa e os técnicos da instituição prometem continuar a animar os utentes com alegria e amor. Além disso haverá também, à semelhança do ano passado, um ponto de venda de Natal aberto ao público com bolos tradicionais de Natal e objetos elaborados pelos utentes com todo o seu saber fazer e criatividade onde se podem encontrar trabalhos em madeira, cortiça, crochê e tricot, retalhos de tecido, bijuteria etc. O ponto de venda de Natal situa-se no átrio de entrada da Instituição e terá um horário de funcionamento das 9h00 às 18h30 incluindo fins-de-semana.
No dia 18 de Dezembro será realizada uma festa de Natal no período da tarde, que reúne utentes e famílias e que pretende reforçar os valores cristãos da Instituição e do Natal como solidariedade, amizade, amor e entreajuda, perdão, acolhimento etc. A Festa terá início com a celebração de uma missa, nas instalações da Instituição, às 14:30h seguindo-se um lanche, a representação de uma peça de teatro com a participação de utentes e familiares e terminando com um jantar e distribuição de prendas de Natal.
Segundo José João Mousinho Serrote, Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Portalegre,
O mês de Natal é para nós o culminar de um ano de atividades junto dos nossos utentes e famílias. Além de ser uma época de partilha de afetos e solidariedade é também um tempo de balanço, de reunir forças e traçar novos objetivos, fazendo votos de que o ano de 2017 seja um ano de prosperidade e de projetos realizados. Nos últimos anos, muito foi desenvolvido com o objetivo de melhorar a vida dos utentes e prestar melhores serviços à comunidade quer ao nível da inovação e modernização de instalações e equipamentos quer ao nível da contratação de técnicos especializados e introdução de melhorias nas práticas de cuidados de saúde e bem-estar. Em 2017 iremos continuar a desenvolver a Santa Casa da Misericórdia de Portalegre no sentido de elevar cada vez mais a qualidade da Instituição e poder proporcionar a todos uma vida mais feliz”.

Portalegre, 29 de Novembro de 2016
Mais Informação:
Cláudia Azedo
Email: claudia.azedo.press@gmail.com

Enviado por José Rui Rabaça

Atividade operacional semanal da GNR de Coimbra

Resultado de imagem para GNR de Coimbra
O Comando Territorial Coimbra, levou a efeito um conjunto de operações, no distrito de Coimbra, na semana de 22 a 28 de novembro, que visaram a prevenção e combate à criminalidade violenta, fiscalização rodoviária, entre outras, registando-se os seguintes dados operacionais:
  1. Detenções: 17 detidos, destacando-se:
  • Dez por condução sob o efeito do álcool;
  • Três por condução sem habilitação legal;
  • Duas por tráfico de estupefacientes.
  1. Apreensões:
  • 57 doses de haxixe;
  • 15 doses de heroína;
  • Duas doses de folhas de cannabis.
  1. Trânsito:
Fiscalização: 311 infracções detectadas, destacando-se:
  • 19 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei;
  • 15 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças;
  • 14 por falta de inspeção periódica obrigatória;
  • Dez por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório;
  • Três por condução sem habilitação legal;
  • Três por uso indevido do telemóvel no exercício da condução.
Sinistralidade: 63 acidentes registados, destacando-se:
  • Um morto;
  • 19 feridos leves.
  1. Fiscalização Geral: 36 autos de contraordenação:
  • 22 no âmbito da legislação policial;
  • 14 no âmbito da legislação da proteção da natureza e do ambiente.
  1. Ações de sensibilização:
  • Duas de âmbito florestal, tendo sido sensibilizadas 14 pessoas;
  • Dez de âmbito escolar, tendo sido sensibilizadas 286alunos/pais/encarregados de educação/professores;
  • Três de âmbito rodoviário, tendo sido sensibilizadas 62 crianças.

Apresentação dos "Espíritos da Natureza" em Portalegre com Rita Goldrajch | 3 de dezembro (sábado) | 16.00 horas | Biblioteca Municipal de Portalegre


Apresentação dos "Espíritos da Natureza" em Portalegre com Rita Goldrajch | 3 de dezembro (sábado) | 16.00 horas | Biblioteca Municipal de Portalegre.

Enviado por José Rui Rabaça

Núcleo do Sporting de Portalegre | ASSEMBLEIA GERAL, HOJE, ÁS 20.30, NA SEDE DO NÚCLEO


A todos os sócios e simpatizantes, pedimos que compareçam, neste momento importante para o núcleo.

SL

Banda Velha União Sanjoanense convida grupos corais para concerto no Cineteatro Alba

A Banda Velha União Sanjoanense vai encerrar o ciclo de 2016 de “Bandas em Concerto” no próximo sábado, 3 de dezembro, pelas 21h30. Na Sala Principal do Cineteatro Alba a banda mais antiga do Concelho vai partilhar o palco com o Grupo Coral Nossa Senhora do Ó, de Nogueira da Maia, e a Canticis – Associação Grupo de Cantares de São João de Loure. O concerto é gratuito, mas sujeito a levantamento de ingresso e à lotação da sala.

 Na primeira parte, a Banda Velha União Sanjoanense vai interpretar duas composições locais recuperadas pelo etnomusicólogo Mário Correia – “Albergariense”, de Francisco da Silva Matos, e “Alba em Marcha”, de Francisco S. Neto. O reportório inicial inclui ainda a música “Estrela da Manhã”, de Joaquim Correia, e “Voice of the Vikings”, uma obra que exalta a epopeia dos vikings, do compositor austríaco Michael Geisler.

Após o intervalo, o concerto ganhará um cariz mais popular com a participação do Grupo Coral Nossa Senhora do Ó e da Canticis. O portuense Afonso Alves, que deixou uma vasta obra composta por peças de concerto, marchas, polcas, música de câmara e popular, será o compositor em destaque. “Contos da Lua Nova”, “As Pombinhas da C’atrina”, “Oliveira da Serra”, “O Milho da Nossa Terra”, “Alecrim” e “Moliceiro” são as músicas selecionadas para a segunda parte do espetáculo.

A Banda Velha União Sanjoanense foi fundada em 1826 e é atualmente composta por 62 músicos, sob a direção artística do maestro Arnaldo Costa. Tem quatro trabalhos discográficos editados, incluindo o CD “O Moliceiro”, com temas populares portugueses, interpretados pelo grupo Canticis. A escola de música conta com 38 alunos distribuídos por sete classes instrumentais e por cinco turmas de formação musical.

A banda já atuou em França, Espanha e nos Açores e recebe frequentemente formações musicais estrangeiras no âmbito de intercâmbios culturais. A Banda Velha União Sanjoanense recebeu a Medalha de Mérito Municipal, em 1995, e a Medalha de Mérito do Governo Civil de Aveiro, em 2011.

_______________________________



Associação ambientalista planta 300 carvalhos em Albergaria-a-Velha

A Associação BioLiving vai realizar uma plantação de árvores no Parque de Lazer de Valmaior, na quinta-feira, dia 1 de dezembro, com alunos da licenciatura de Biologia da Universidade de Aveiro. A ação, que conta com o apoio do Município de Albergaria-a-Velha e da Junta de Freguesia de Albergariaa-Velha e Valmaior, consiste na plantação de 300 carvalhos-alvarinho numa zona verde criada em 2015, na margem direita do rio Caima.

 A BioLiving, que tem sede em Frossos, em espaço cedido pela Autarquia, é uma associação que desenvolve atividades e oficinas ligadas à natureza, promove a sustentabilidade e recuperação de áreas florestais. O seu lema é “Natureza e Educação para todos”. A Câmara Municipal de Albergaria-a-Velha, por seu turno, consciente da necessidade em manter uma gestão sustentável do património arbóreo, garantindo a salvaguarda da saúde pública, a mobilidade, a estética urbana e a biodiversidade da floresta, compromete-se a plantar seis árvores por cada uma que seja retirada.

“Temos este compromisso de, por cada árvore que seja retirada, plantarmos seis árvores de espécies autóctones nas áreas públicas do Município, nos nossos jardins, praças e zonas verdes. Já vínhamos a adotar esta política nos últimos anos, recordo que no Dia Mundial da Floresta plantámos centenas de árvores, num corredor verde que foi criado na Zona Industrial e nos baldios, uma colaboração que mantemos com os Agrupamentos de Escolas do Concelho de Albergaria-a-Velha”, explicou o Presidente da Câmara Municipal, António Loureiro.

O Município de Albergaria-a-Velha, através da Divisão de Ambiente e Serviços Urbanos, realizou um estudo sobre as espécies arbóreas em perímetro urbano, de acordo com a metodologia das “Normas de Granada”. Dispõe atualmente de uma caracterização das árvores em perímetro urbano, tendo em conta os valores paisagísticos, ambientais, sociais e culturais.

 A título de exemplo, o valor patrimonial das árvores de arruamento no perímetro urbano da cidade de Albergaria-a-Velha é superior a 7 milhões de euros. A espécie mais valiosa, por ser mais antiga (cerca de 90 anos), é a Tília cordata, de que os melhores exemplos são as Tílias da Praça Comendador Ferreira Tavares, em frente aos Paços do Município. O estudo de caracterização e valorização das espécies arbóreas da cidade deverá ser atualizado em 2017.
Os 300 carvalhos-alvarinho que vão ser plantados pela BioLiving em Valmaior foram cedidos pelo AVE – Herbarium Universitatis Aveirensis (Herbário da Universidade de Aveiro) e entregues aos alunos da Licenciatura de Biologia, que têm que cuidar das árvores até à sua plantação.

 A BioLiving têm desenvolvido diversas atividades no Concelho de Albergaria-a-Velha. No próximo sábado, dia 3 de dezembro, organiza uma visita de estudo a Vilarinho de S. Roque, Ribeira de Fráguas, sobre musgos e líquenes, revelando a sua importância e função nos ecossistemas, precavendo a sua recolha de forma a promover um Natal sustentável.

_______________________________________


Colheita de sangue dia 30 de Novembro entre as 15 horas e as 19 horas, no Posto Fixo da ADASCA em Aveiro

Todos os grupos sanguíneos são necessários

Colheita de sangue dia 30 de Novembro entre as 15 horas e as 19 horas, no Posto Fixo da ADASCA, localizado no Mercado Municipal de Santiago, 1º. Piso. Mais informações no site www.adasca.pt

Dias 7, 14 e 21 entre as 15 horas e as 19 horas, dias 10, 23 e 30 de Dezembro entre as 9 horas e as 13 horas, sendo estas últimas às sextas-feiras no sentido de facilitar os dadores que pretendam viajar para as suas localidades por motivos de Natal.

As datas das brigadas a realizar em já estão disponíveis no site indicado, o mesmo vai acontecer com o Mapa de Brigadas para o ano de 2017, que chegar ao nosso poder em breve.

Aconselhamos os dadores a regularizarem a situação para efeitos de isenção das taxas moderadoras nos Centros de Saúde, e nos Hospitais públicos, onde foi reposta a partir do dia 30 de Março do ano em curso.


J. Carlos

_____________________________________________________


SOCIEDADE COLUMBÓFILA PARTICIPOU NO CIRCUITO REGIONAL DE CADETES

assscc-cr-cad-2jornada
A Piscina Municipal de Penacova acolheu recentemente a 2ª jornada do Circuito Regional, última competição desta prova, que foi destinada ao escalão de cadetes e que contou com a presença de 130 nadadores em representação de 10 Clubes.
Promovido e organizado pela Associação de Natação de Coimbra, esta competição proporcionando uma excelente jornada desportiva de promoção da modalidade.
A Associação de Solidariedade Social Sociedade Columbófila Cantanhedense esteve representada neste torneio com 19 Cadetes, que tiveram prestações bastantes positivas e com progressão esperada nesse escalão.
A equipa de Cadetes da ASSSCC voltara a  competir nos dias 17 e 18 de Dezembro nas piscinas municipais de Condeixa na 1ª edição de 2016/2017 do TOREGRI.
Mira Online | Novembro 29, 2016 às 8:43 am
__________________________________________________
Venham passar um fim de semana diferente


Gemalto Subscription Management aúna fuerzas con OceanConnect de Huawei para impulsar el ecosistema de Io


por Yesica Flores
ÁMSTERDAM, Nov. 29, 2016.- Gemalto, el líder mundial en seguridad digital, celebró un memorando de entendimiento (Memorandum of Understanding, MoU) con Huawei, el proveedor mundial líder de soluciones de tecnologías de comunicación e información (Information & Communication Technologies, ICT), para hacer realidad la visión de la Internet de las cosas (Internet of Things, IoT) mundial de ambas partes en la conferencia Huawei Connect, Europe 2016.
Conforme al acuerdo, Gemalto proporciona su galardonada solución LinqUs On-Demand Connectivity (ODC) integrada con la plataforma de IoT OceanConnect de Huawei, para permitir una conectividad eficiente a través de la prestación de una suscripción remota segura. Ahora, los clientes y socios de Huawei podrán conectarse a cualquier operador móvil de su elección, en cualquier momento y en cualquier lugar del mundo. Esta asociación ayudará a acelerar la implementación del servicio, a reducir los costos de integración y a aumentar los ingresos a aquellas empresas que desean adoptar aplicaciones de IoT para empresas o consumidores, como las que se utilizan en ciudades inteligentes, automóviles conectados y hogares inteligentes.
Gartner predice que el ecosistema de IoT está creciendo rápidamente, con 6400 millones de objetos que se conectarán en 2016, para alcanzar los 20 800 millones en 2020[1]. El 1 de septiembre de 2016, Huawei lanzó su plataforma de IoT OceanConnect, y se prepara para contribuir con esta tendencia en crecimiento.
“Huawei está acelerando el crecimiento a la mayor velocidad posible en la nube y en el espacio de IoT. Hemos innovado y adoptado varias soluciones de IoT para múltiples sectores, incluidos los hogares inteligentes, automóviles, servicios públicos y energía de petróleo y de gas”, comentó Zhang Qin, presidente de Ejecución de Marketing de Huawei Cloud Core Network en Huawei. “Con la solución LinqUs On-Demand Connectivity de Gemalto integrada a la plataforma de IoT OceanConnect de Huawei, podremos cumplir con el compromiso de proporcionar servicios de IoT escalables y flexibles a todos nuestros clientes en todo el mundo”.
“Al igual que para Huawei, la IoT es una de las prioridades de Gemalto a medida que nos adentramos en la era digital. Creemos que la asociación abrirá un nuevo capítulo de colaboración estrecha e intercambio de conocimientos entre las dos compañías”, manifestó Suzanne Tong-Li, presidenta de Gemalto para Gran China y Corea.

Acerca de Huawei OceanConnect
Huawei OceanConnect es un ecosistema abierto que tiene como elemento esencial la plataforma de gestión de conexión de IoT. Con interfaces de programación de aplicaciones (Application Programming Interface, API) abiertas y agentes seriales, acelera la liberación de aplicaciones, simplifica el acceso a terminales y asegura la conexión de red. Además, ofrece servicios integrados para los socios que incluyen todo tipo de soporte técnico y de marketing y servicios de cooperación comercial.
Con más de 170 API lanzadas en más de 200 dispositivos y sensores integrados, y más de 80 socios, el ecosistema Huawei OceanConnect provee soluciones en automóviles conectados, hogares inteligentes, servicios públicos, gas y energía, así como en otros campos.
Acerca de Gemalto
Gemalto (Euronext NL0000400653 GTO) es el líder mundial en seguridad digital, con ingresos anuales de 3,1 mil millones de euros en 2015 y clientes en más de 180 países. Generamos confianza en un mundo cada vez más conectado.
Nuestras tecnologías y servicios permiten a las empresas y a los gobiernos autenticar identidades y proteger datos de manera que estos estén seguros y habilitan servicios en dispositivos personales, objetos conectados, la nube y entre estos.
Las soluciones de Gemalto están en el centro de la vida moderna, desde la seguridad en los pagos, hasta las empresas y el Internet de las Cosas. Autenticamos personas, transacciones y objetos, ciframos datos y generamos valor para software, permitiendo a nuestros clientes brindar servicios digitales seguros a miles de millones de personas y cosas.
Nuestros más de 14 000 empleados operan desde 118 oficinas, 45 centros de datos y personalización y 27 centros de investigación y desarrollo de software ubicados en 49 países.
Para obtener más información, visite http://www.gemalto.com/latam o síganos en Twitter: @gemaltolatam
La terminología de este comunicado de prensa es una traducción y, bajo ninguna circunstancia, debe ser considerada oficial. La versión original del comunicado de prensa en inglés es la única versión autorizada que debe prevalecer en caso de discrepancias con la traducción.
1 Gartner, Gartner Says 6.4 Billion Connected "Things" Will Be in Use in 2016, Up 30 Percent From 2015(Gartner opina que 6400 millones de “cosas” conectadas estarán en uso en 2016, un 30 % más respecto a 2015)

Yesica Flores | noviembre 29, 2016 a las 11:17 am | Etiquetas: Management
______________________________________________________

Hora de Fecho: Em direto/ Queda de avião. "O sonho acabou esta madrugada"

Hora de fecho

As principais notícias do dia
Boa tarde!
COLÔMBIA 
O avião levava 81 pessoas, incluindo a equipa de futebol brasileira Chapecoense. Autoridades falam em 75 mortos e seis sobreviventes. O presidente da equipa já falou à TV e disse que "o sonho acabou"
Elon Musk vai construir uma fábrica da Tesla na Europa e os portugueses querem convencê-lo a vir para cá. Com a Terra quase conquistada, quer pôr 80 mil pessoas em Marte. E talvez encontrar namorada.
A assistente de bordo que começou a namorar há 3 meses, o jogador que pediu orações aos fãs, o técnico apaixonado por aviões. Conheça a vida dos seis sobreviventes do desastre na Colômbia.
Já foram várias as equipas e personalidades do futebol que prestaram homenagem às vítimas do desastre aéreo que vitimou a maioria dos jogadores do Chapecoense. Veja as mensagens.
Imagens de adeptos que souberam da tragédia, fotos tiradas pelos jogadores antes do acidente, os momentos da operação de resgate. As fotografias e os vídeos contam a história do avião que se despenhou
A esquerda aprovou OE. no debate, PCP e BE disputam os contributos. CDS aponta nova austeridade e PS destaca nova confiança. PSD exige responsabilidades políticas na CGD.
A Assembleia da República aprovou dois votos de pesar pela morte de Fidel Castro. Grupo de deputados do PSD contra tentativa de "branquear" Fidel. Bloco lembrou "grandes erros" do ditador cubano.
Acabou. Aprovado. Começou marcado pelo chamado Imposto Mariana Mortágua e acabou com o carimbo polémico da Caixa. Foi o OE das esquerdas mas que não é de esquerda.
A manhã começou no Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto e terminou com um almoço de empresários no Palácio da Bolsa. Felipe VI e Letizia seguem agora para Lisboa.
Emma Morano vive no norte de Itália e é a última pessoa nascida no século XIX ainda viva. As comemorações, esta quinta-feira, vão contar com um espetáculo e com a apresentação duma biografia oficial.
A LX Brewery, antes Sant'Ana LX Brewery, instalou-se na Estefânia, num espaço onde se pode beber cerveja artesanal, comprar ingredientes e material para fazê-la em casa ou observar a sua criação. 
Opinião

Rui Ramos
As sondagens favoráveis a António Costa, mesmo depois de provado que os seus planos eram ilusórios, provam que em Portugal quem tem o Estado tem tudo, e quem não tem o Estado, não tem nada. 

Helena Matos
Todas as semanas o Governo vai ao mercado e compra normalidade. Em troca Catarina diz-se tranquila e Jerónimo satisfeito. O preço político da normalidade celebrada por Costa ainda vai no adro. 

Laurinda Alves
Quem tem o azar de morar em zonas da cidade que foram delimitadas pela EMEL e entregues à sua exploração pode sofrer, e muito. Pergunto-me até se existe para proteger ou para massacrar esses moradores

José Conde Rodrigues
François Fillon em França, tal como a continuação de Merkel na Alemanha ou a liderança de Theresa May no Reino Unido, poderão ser o último reduto contra os extremismos baseados no medo da globalização

Zita Seabra
Nestes dias após a morte de Fidel Castro, temos assistido aos mais espantosos depoimentos, relativizando e branqueando os crimes do regime comunista cubano e de Fidel em particular.
Mais pessoas vão gostar da Hora de fecho. Partilhe:
no Facebook no Twitter por e-mail
Leia as últimas
em observador.pt
Observador
©2016 Observador On Time, S.A.
Rua Luz Soriano, n. 67, Lisboa